Umbuzeiro Online

Política,polícia,esporte,geral,cidades,brasil,mundo,

Bar é interditado por suspeita de favorecimento de prostituição na PB


​Polícia Civil fechou o estabelecimento na noite de quinta-feira (9) em Guarabira (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um bar com dormitório foi interditado na noite de quinta-feira (9) na cidade de Guarabira, no Agreste da Paraíba, pela prática de favorecimento da prostituição. O estabelecimento funcionava na região central da cidade. A ação foi comandada pela delegada Cristiane Medeiros com apoio da polícia da cidade de Mulungu.

Ainda de acordo com a delegada, não houve a prisão de ninguém no local, contudo foram colhidas as provas necessárias para a adoção de providências quanto ao caso. A operação policial ocorreu após a Polícia Civil receber denúncias de que o estabelecimento funcionava como ponto de exploração sexual de crianças e adolescentes. A casa que seria um suposto ponto de prostituição funcionava a poucos metros da igreja Santo Antônio, no Bairro Novo, considerado parte da área nobre da cidade.

A denúncia de exploração sexual de crianças e adolescentes não foi comprovada, embora a polícia tenha identificado a prática de favorecimento de prostituição. Ainda de acordo com a delegada, as atividades de bar e dormitório, na verdade, mascaravam a sua atuação ilegal de favorecimento de prostituição.

O crime é previsto no artigo 228 do Código Penal Brasileiro e prevê pena que varia de reclusão de dois a cinco anos, além de multa.

G1PB

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em junho 10, 2016 por .
%d blogueiros gostam disto: